Negócio Orientado às Pessoas

Soluções inovadoras são resultado do capital intelectual da equipe da Riza Capital, com experiência nas mais variadas áreas do mercado financeiro brasileiro e nos mais importantes bancos de investimento.

Sociedade

A Riza é liderada diretamente pelos seus sócios, com envolvimento direto e dedicado nas transações e operações de cada linha de negócio. Modelo baseado em meritocracia, criando uma cultura única e levando a altos níveis de retenção de executivos talentosos na Companhia, incentivando a melhora constante do elemento chave da Riza, seu pessoal. Time altamente experiente, com histórico comprovado e experiência assessorando pequenas, médias e grandes companhias, tanto em transações locais quanto em transações globais.

Marco GonçalvesCEO

• Marco Gonçalves é sócio fundador e CEO da Riza Capital.

• Antes de fundar a Riza Capital, Marco Gonçalves foi Head global de M&A do BTG Pactual e Head de M&A do Credit Suisse no Brasil, além de ter sido sócio sênior no BTG Pactual.

• Marco possui mais de 20 anos de experiência em Investment Banking com foco em transações de M&A. Antes de se juntar ao BTG Pactual, trabalhou no Credit Suisse, ABN AMRO, Deutsche Bank e BNP Paribas, em São Paulo e Nova Iorque.

• Marco trabalhou nas principais e mais notáveis transações do mercado brasileiro, incluindo:

– 2019: Assessor da Hapvida na aquisição do Grupo São Francisco por USD 1.3 bilhões; Assessor do Grupo Boticário na aquisição de 100% Beleza na Web; Assessor do CPPIB na aquisição de participação minoritária na Equatorial Energia por USD 170 milhões.

– 2018: Assessor da Suzano Holding na fusão da Suzano Papel e Celulose com Fibria no valor de USD 25 bilhões; Assessor da Tarpon Investimentos na venda da Somos Educação para a Kroton por USD 2.1 bilhões; assessor do Banco C6 na aquisição da NTK.

– 2017: Assessor da Odebrecht na venda de sua participação no Aeroporto Rio-Galeão para a HNA Infraestrutura.

– 2016: Assessor da Estácio na aquisição hostil feita pela Kroton por US$1.7 bilhões; assessoria da Odebrecht na venda da Odebrecht Ambiental para a Brookfield por US$900 milhões; assessor da Enersis em sua reorganização na América Latina – US$10.4 bilhões; assessor da SemParar na venda para a FleetCor por US$1.2 bilhões; assessor da Granado na venda de participação minoritária para a PUIG; assessor da Estapar na venda de participação minoritária para a Equity International por US$150 milhões; assessor do BTG Pactual na fusão entre BSI e EFG por US$1.5 bilhões; assessor dos acionistas da Embratec na fusão com a Edenred por US$800 milhões; venda da Leader para a Legion Holdings por US$ 320 milhões.

– 2015: venda da Recovery para o Banco Itaú Unibanco por US$500 milhões; venda da Fenix Power para a ADIA Capital por US$786 milhões; venda de participação da Ecorodovias para a Gavio por US$800 milhões; venda da BR Properties para a GP Investimentos por US$1.7 bilhões; venda da Uniasselvi para o Carlyle Group por US$400 milhões; venda dos ativos de energia da Triunfo para China Three Gorges por US$600 milhões; aquisição da Quioport pela CCR por US$430 milhões; venda de participação na RedeDor pelo GIC por US$500 milhões; venda de participação na RedeDor pelo Carlyle por US$600 milhões; OPA para fechamento de capital da DASA por US$300 milhões; aquisição de participação minoritária no grupo Odinsa pelo Group Argos por US$320 milhões; assessor do BAT na OPA para fechamento de capital de sua subsidiária brasileira Souza Cruz – US$3.5 bilhões.

– 2014: assessor da Brookfield na OPA para fechamento de capital de sua companhia de propriedades brasileira – US$1.2 bilhões; assessor da CPFL na aquisição da Dobreve Energia por US$800 milhões; assessor do Banco Santander na OPA para fechamento de capital de sua subsidiária brasileira por US$6.5 bilhões; assessor do Grupo Abril na venda de participação minoritária da Abril Educação para a Tarpon Investimentos por US$300 milhões; assessor da Kroton na aquisição da Anhanguera Educacional por US$2 bilhões; assessoria para os acionistas da GetNet em sua venda para o Banco Santander por US$700 milhões; assessor da Intermedica em sua venda para a Bain Company por US$850 milhões; assessor da Oi na venda da Tower Business para SBA Communications por US$500 milhões; assessor do BTG Pactual na aquisição do BSI por US$1.7 bilhões; assessor do Banco do Brasil na joint venture Arranjo Ourocard com a Cielo por US$4 bilhões; assessor da WPP na aquisição do IBOPE; assessor da OI na venda da PT Portugal para Altice por US$9 bilhões; assessor do DNA na aquisição de participação de controle na DASA por US$800 milhões; assessor da BR Properties na venda de 34 ativos logísticos e de imóveis por US$1.2 bilhões; assessor da Cosan na fusão entre Rumo e ALL por US$1.9 bilhões.

• Marco Gonçalves possui diploma em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e especialização em Finanças pela NYU.

Corporate Advisory
André Quaresma Guillaumon

•André Quaresma é sócio da Riza Capital.

•André Quaresma possui mais de 12 anos de experiência em banco de investimento focado em transações de M&A. Antes de se juntar à Riza Capital, André foi sócio-associado de M&A do BTG Pactual e trabalhou no Credit Suisse, UBS Pactual e VGL Finance.

•André trabalhou nas principais e mais notáveis transações do mercado brasileiro, incluindo:

– 2019: Assessor do CPPIB na aquisição de participação minoritária na Equatorial Energia por USD 170 milhões.

–2017: Assessor do TCP na venda de 90% da Companhia para a China Merchants Port Holdings por US$1.175 milhões, Assessor da Renova Energia na venda do complexo eólico Alto Sertao II para a AES Corp por US$570 milhões, Assessor da Triunfo Participações na venda de 50% de participação de Portonave para a MSC por US$516 milhões, Assessor da Cetrel na venda de 63,7% do ativo para a Braskem por US$193 milhões.

–2016: Assessor da Odebrecht na venda de 70% da Odebrecht Ambiental para a Brookfield Business Partners por US$ 878 milhões, Assessor do BTG Pactual na venda de 51% de participação na Pan Seguros SA para a CNP Assurances SA por US$226 milhões, Assessor da Embratec na fusão com a Edenred Brasil por US$800 milhões.

–2015: Assessor do BTG Pactual na venda da Recovery para o Banco Itau por US$500 milhões, Assessor da Kroton na venda da Uniasselvi para o Carlyle Group e Vinci Partners por US$400 milhões, Assessor da Renova Energia na venda de ativos eólicos para a SunEdison por US$515 milhõe, Assessor da Abril Educação na venda de participação adicional para a Tarpon Investimentos seguido de OPA pela Tarpon por US$830 milhões.

–2014: Assessor do Grupo Abril na venda de participação minoritária da Abril Educação para a Tarpon Investimentos por US$300 milhões, Assessor da Kroton na aquisição da Anhanguera Educacional por US$2 bilhões, Assessor da GetNet na venda para o Banco Santander por US$700 milhões, Assessor do Banco do Brasil na joint venture com a Cielo para o Arranjo Ourocard por US$3 bilhões.

–2013: Assessor da LOG no private placement para o Bradesco e BndesPar por US$128 milhões, Assessor do Grupo Ometz na venda da Wise Up para a Abril Educação por US$440 milhões.

–2012: Assessor da Ri-Happy na aquisição da PBKids por US$94 milhões, Assessor da TransUnion na aquisição de 80% da Crivo por US$41 milhões, Assessor daTransUnion na aquisição de 80% da ZipCode por US$34 milhões, Assessor da Osklen na venda de 30% de participação para a Alpargatas, Assessor da Sonae Sierra S.A. na venda de sua participação no Shopping Center Penha e Tivoli Shopping por US$90 milhões.

–2011 e anteriores: Assessor da Costa do Sol Operadora Aeroportuária S.A. na venda de 60% do Aeroporto Internacional de Cabo Frio para a Libra Holdings por US$40 milhões, Assessor da Estre na aquisição da Cavo Serviços e Saneamento por US$347 milhões, Assessor da Linx na venda de participação minoritária para o General Atlantic e BNDES, Assessor do Paraná Banco na venda de 43,4% da JMalucelli Seguros e Resseguros para a Travelers por US$418 milhões, Assessor da ACSP na venda de 25% de participação no bureau de crédito para o TMG, Assessor do Banco do Brasil na restruturação do business de seguros e Joint Venture com a Mapfre e Principal Financial Group por US$5,7 bilhões, Assessor da Petrobras na consolidação de sua participação detida em Braskem e aquisição da Quattor da Unipar Comercial e 33,3% da Polibutenos pela Braskem, Assessor da Tereos na aquisição da participação remascente de 45,97% da Guarani por US$202 milhões, Assessor da Cetip na venda de 30% para a Advent International por US$180 milhões, Assessor da Amil na aquisição da Medial, Assessor do Banco Mercantil do Brasil na venda da Cia. de Seguros Minas Brasil para a Zurich, Assessor da Datasul S.A. em sua venda para a TOTVS S.A. por US$384 milhões, Assessor da MRV Log em seu Private Placement para a Starwood por US$222 milhões, Assessor da Scopel na venda para o Grupo Carlyle, Assessor da Patrimóvel em sua venda para a Lopes por US$112 milhões, Assessor do G Barbosa em sua venda para a Cencosud por US$430 milhões, Assessor da Experian na aquisição do Serasa por US$1.1 bilhão.

•André possui graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getulio Vargas – FGV.

Gabriel Varella

• Gabriel Varella é sócio da Riza Capital.

• Gabriel Varella, antes de juntar-se à Riza Capital, foi Diretor da área de Investment Banking do BTG Pactual. Gabriel possui mais de 10 anos de experiência no mercado.

• Ao longo da carreira, Gabriel participou de diversas transações de M&A e Equity Capital Markets em diferentes indústrias, incluindo algumas das mais relevantes transações do Brasil, tais como:

– 2019: Assessor do Grupo Boticário na aquisição de 100% Beleza na Web.

– 2018: Assessor da Tarpon Investimentos na venda da Somos Educação para a Kroton por USD 2.1 bilhões; assessor do Banco C6 na aquisição da NTK.

– 2017: Assessor da Odebrecht na venda de sua participação no Aeroporto Rio-Galeão para a HNA Infraestrutura.

– 2016: Assessor dos acionistas da Embratec na fusão com Edenred no valor de USD 800 milhões; assessor da Estácio na tentativa de aquisição pela Kroton por USD 1.7 bilhões.

– 2015: Assessor da Kroton na venda da Uniasselvi para os fundos Carlyle e Vinci por USD 400 milhões.

– 2014: Assessor da Kroton na fusão com a Anhanguera Educacional de USD 10 bilhões; assessor dos acionistas da Getnet na venda para o Banco Santander por USD 700 milhões; assessor do Banco do Brasil na criação de Joint-Venture com a Cielo envolvendo o arranjo Ourocard no valor de USD 4,0 bilhões.

• Gabriel Varella é formado em Engenharia Civil, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, com passagem pela Universidade de Illinois Urbana-Champaign nos Estados Unidos.

Rogério Penalva

• Em janeiro de 2010, Rogério Penalva fundou a Synesi, butique de M&A focada em healthcare, educação, energia renovável e death industry. Como cliente da Synesi, a DASA apontou Rogério como head de todas as atividades de M&A de 2010 até 2011, sendo responsável pela fusão com a MD1, transação de US$1 bilhão, uma das maiores transações do setor de diagnóstico no Brasil. Simultaneamente, Sr. Penalva trabalhou, entre 2010 e 2011, para a Brasil Plural Capital, fazendo parte do grupo que realizou a venda do Hospital Samaritano, um dos principais hospitais no Rio de Janeiro.

• De 2008 à 2009, foi Diretor de Private Equity na Vision Brazil Investments, um hedge fund com US$2 bilhões sob gestão. Rogério foi do conselho de administração de companhias investidas, arrecadou recursos para novos projetos e supervisionou 4 projetos: gado, terra, etanol e energia renovável. De 2004 à 2007, trabalhou como Diretor para o Patria, sendo responsável por toda atividade de M&A da DASA, empresa investida do Patria na época, além de ter sido responsável pela venda de alguns ativos do Patria, tal como Fototica. De 2001 à 2004, foi head de M&A para Allen Global Advisors LLC no Brasil, butique de M&A focada em transações cross border na América Latina. Entre 1991 e 2001, Sr. Penalva trabalhou no JP Morgan/Chase, tendo participado de grandes operações, tais como a recompra de ações da Whirpool no Brasil, a venda do Grupo Ipiranga e o spin-off de ativos não financeiros do Bradesco e a criação da Bradespar.

• Entre 1996 e 1998, Rogério trabalhou no Banco Patrimônio na equipe de equity asset management e foi responsável pelo relacionamento com a Darby Overseas, executando 3 transações: Dixie Toga, Livraria Siciliano e Atlantica Hotels. No final de 1998, o Banco Patrimônio foi vendido ao Chase.

• Anteriormente, trabalhou como analista de equity research no Banco Votorantim, cobrindo setores como telecomunicações, autopeças, têxtil e bebidas.

• Rogério possui diploma em Engenharia Mecânica pela Universidade de São Paulo – Escola Politécnica.

Stefan Madach

•Stefan Madach juntou-se ao time da Riza Capital em 2017. Antes da Riza Capital, Stefan trabalhou no Deutsche Bank como Senior Associate responsável pela execução de complexas transações cross-border na área de Investment Banking.

•Stefan possui mais de 10 anos de experiência em Investment Banking. Trabalhou em instituições nacionais e globais como Deutsche Bank, BI&P, Credit Suisse, Morgan Stanley e Pátria Investimentos.

•Stefan trabalhou em transações transformacionais de Investment Banking no mercado Brasileiro incluindo, mais recentemente, a fusão entre Suzano Papel e Celulose e Fibria criando o maior produtor de celulose do mundo com valor de firma de ~R$89 bilhões, o IPO de US$650 milhões da Azul S.A. em 2017 e a assessoria à British American Tobacco na OPA para fechamento de capital de US$2.7 bilhões da Souza Cruz S.A. em 2015.

•Possui MBA por Babson College (Summa Cum Laude), especialização em Finanças Corporativas pela Columbia Business School, e graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getulio Vargas (FGV – EAESP).

Diego Mendes

• Antes de juntar-se à Riza Capital, Diego Mendes trabalhou em Equity Research no Itaú BBA por 10 anos, cobrindo o setor de Petróleo, Gás e Petroquímicos na América Latina. O time foi consistentemente ranqueado entre os melhores pela revista Institutional Investor pela cobertura do setor na América Latina. Petrobras, Cosan, Braskem, Ultrapar, Tenaris, Ecopetrol, Mexichem, Alpek e Comgás faziam parte do universo de cobertura.

• Diego tornou analista chefe do setor em 2015 e em 2016 e 2017 foi ranqueado entre os melhores analistas do setor pela Institutional Investor e foi eleito pela Thomson Reuters como o analista que fazia as melhores estimativas para o setor de energia na América Latina em 2016. Enquanto no Itaú BBA, Diego participou de 9 processos de IPO, acompanhou os setores de transporte e infraestrutura entre 2007 e 2009, e fez vários road-shows na América Latina, América do Norte, Europa e Asia.

• Antes do Itaú BBA, Diego trabalhou no JP Morgan por um ano cobrindo os setores de Mineração, Siderurgia, Papel e Celulose na América Latina e Rússia.

• Diego possui graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (EAESP/FGV).

Lucas Franco

• Antes de se juntar à Riza Capital, Lucas Franco trabalhou nos times de Investment Banking do Bank of America Merrill Lynch e do BTG Pactual, acumulando mais de 1 ano de experiência e participando de transações marcantes, como a aquisição hostil da Estácio pela Kroton por USD 1.7 bilhões, entre outras.

• Lucas é formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV–EAESP).

Mateo Gomes

• Antes de se juntar à Riza Capital, Mateo Gomes trabalhou na equipe de Investment Banking  do Deutsche Bank por 1 ano, tendo participado de transações-chave como: o IPO de US$650 milhões da Azul S.A. em 2017 e aquisição dos ativos de nióbio e fosfato da Anglo American pela China Molybdenum por USD 1.7 bilhões.

• Mateo é formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV – EAESP).

Octávio Albuquelque

• Antes de se juntar à Riza Capital, Octávio Albuquelque trabalhou nos times de M&A e Direito Concorrencial do Pinheiro Neto Advogados e do Mattos Filho. Com mais de 1 ano de Investment Banking, Octávio participou de transações marcantes, como a aquisição do Grupo São Francisco pela Hapvida por R$ 5 bilhões.

• Octávio é formado em Direito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV – EDESP).

Felipe Hachem

• Felipe Hachem possui diploma em administração de empresas pelo Insper, e se juntou a Riza Capital a mais de 1 ano.